Manaia, Kahurangi

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Manaia, Kahurangi

Mensagem por Kahurangi Manaia em Qui Abr 06, 2017 11:47 am

original




Escreva os dados


i. A NOMENCLATURA: Kahurangi Manaia;
ii. COMO É CONHECIDO: O Motorista;
iii. TIPAGEM SANGUÍNEA: Simbionte;
iv. QUANTAS ESTAÇÕES VIVEU: 61 primaveras;
v. PRIMEIRO RESPIRO: 07 de março de 1956;
vi. DESCENDENTE DE QUE POVO: Neozelandês;
vii. COMPORTAMENTO: Neutralidade Bélica;
viii. COMUNIDADE: Vilão.

Informe os atributos


i. PONTOS DE ATRIBUTO: 120;
ii. ESPECIALIZAÇÃO: Ágil
iii. ATRIBUTOS:



FORÇA: 25INTELIGÊNCIA: 25
RESISTÊNCIA: 15AGILIDADE: 20 (+5)
VIGOR: 25CARISMA: 10



Diga as perícias




i. Pilotagem, nível calouro;


Cite os poderes


i. SUPER-PODERES:

i. FORÇA SOBRE-HUMANA: Uma vez em que um humano se funde ao humano, o traje simbiótico adiciona uma força sobre-humana ao portador. Venom já demonstrou força monstruosa, variando de apenas um pouco maior do que Spider-Man para ser capaz de trocar golpes com indivíduos de alta robustez como Juggernaut. Isto é causado pelas várias mutações que o simbionte tomou com Brock, ganhando volume adicional e massa muscular durante longos períodos de tempo com seu hospedeiro;

ii. DURABILIDADE SOBRE-HUMANA: O corpo do simbionte é altamente resistente a lesões físicas, capaz de suportar ataques de balas de alto calibre, bem como ataques de indivíduos super energizados. Quando distribuído em uma espessura típica sobre o corpo do portador, o simbionte é capaz de absorver balas de armas de pequeno calibre disparando munição convencional. Por sua vez, é, no entanto, particularmente vulnerável a ataques tanto sônicos como baseados no calor;

iii. RESISTÊNCIA SOBRE-HUMANA: O simbionte também é capaz de sobreviver em áreas prejudiciais por longos períodos de tempo, como subaquática ou em gases tóxicos. Além do mais, o simbionte cria filtração do ar respirável para o hospedeiro manter-se estável;

iv. FATOR DE CURA ACELERADO: Além disso, o simbionte é capaz de curar lesões no hospedeiro em um ritmo mais rápido do que a cura humana normal permite. O simbionte também é capaz de curar lesões e doenças que os cuidados médicos humanos atuais não podem, como câncer.

v. MEMÓRIA GENÉTICA: O simbionte possui alguma habilidade psíquica, tornando-a capaz de obter informações de seus hospedeiros e até mesmo de outras pessoas e simbiontes simplesmente pelo toque. Também, o simbionte é capaz de recuperar informações de hospedeiros anteriores. No entanto, pode ser forçado a esquecer informações se o simbionte é infligido com trauma pesado;

vi. DETECÇÃO DE PROLE: O simbionte também é capaz de detectar psiquicamente sua prole, porém com esforço essa habilidade pode ser bloqueada;

vii. CONSTRUÇÃO DE MATÉRIA: Também pode usar a mesma substância que compreende o simbionte sob a forma de matéria preta constitutiva ou "goo", e usa-o neste método para a força letal contra os outros. Venom pode enviar uma parte do simbionte e direcionar seus movimentos no corpo de uma vítima, sufocando-os de dentro;

viii. CAMUFLAGEM: O simbionte é capaz de se camuflar, imitando a aparência de qualquer vestimenta.


Conte o histórico


Meu nome é Kahurangi Manaia, mas eu sou mais conhecido por outros nomes. Monstro é um deles. Vermelhão. Neozelandês. Gringo. Motorista. O Motorista. Eu vivo uma boa vida. Moro numa casa em Westchester com dois carros na garagem. Meus maiores bens. Morei na Nova Zelândia até os vinte anos, quando vim para os Estados Unidos tentar a sorte. É aí que minha história começa de verdade. Sem nenhuma formação acadêmica, comecei a trabalhar como motorista de táxi. Trabalhava dez horas por dia e passava quase a metade do restante no submundo de Nova York. Sempre fui uma pessoa que chamou atenção, seja pela minha confiabilidade ou discrição, e não demorou muito para que os mafiosos começassem a me notar. Dez anos depois que havia chegado na América, já tinha meu próprio carro, um Dodge Challenger 1970 que possuo até hoje. Nesse carro transportei os maiores criminosos dos Estados Unidos na época. Não precisava mais trabalhar como táxi. Eu escolhia meus clientes, e não queria saber quem eram ou o que faziam, apenas quanto me pagariam no final do serviço. Com o passar dos anos fui ganhando reputação, e me tornei referência no mundo do crime quando se falava em transportes. Os mafiosos sabiam que podiam confiar em mim porque eu nunca trairia sua confiança. E então ganhei um nome. Passei a ser conhecido como "O Motorista". Então, há alguns anos, com o boom dos super-humanos, os vilões já sabiam para quem ligar quando precisassem de um motorista, e é para eles quem eu dirijo agora. Homens com a capacidade de derreter meu carro com um simples estalar de dedos. Comprei um Cadillac, uma limusine para adicionar ao Dodge quando o serviço demandava luxo e conforto ao invés de velocidade. Dentro desse Cadillac acordos são fechados, homens são executados, e eu tenho ouvidos, mas não ouço. Tenho olhos, mas não vejo. Há pouco mais de um ano, fui dominado, quase possuído por uma criatura extraterrestre que me deu super-poderes. Era tarde da noite, eu estava fumando num estacionamento após terminar um trabalho. Não vi ele chegando. Só lembro de minha visão escurecer e eu acordar no Central Park logo após, mas eu não era eu. Estava diferente.Olhei meu reflexo num lago. Meu rosto estava coberto por uma segunda pele, grossa e vermelha, como um elmo super-resistente, sem nada onde deveria estar a boca e o nariz, apenas dois pontos amarelos onde deveriam estar meu olhos. Olhei para baixo e todo meu corpo estava coberto por aquela armadura vermelha que mimetizou inclusive minhas tatuagens, que possuo do pescoço ao tornozelo, cada centímetro coberto por tatuagens maori. Eu estava visivelmente maior e mais forte. Eu havia sido escolhido. Naquela noite cruzei Nova York, pulando de prédio em prédio, testando minhas novas habilidades. Até hoje consegui manter esse ser, esse simbionte em segredo, mas não sei até quanto tempo permanecerei assim. Não o uso para o bem ou para o mal, apenas não o uso, pelo menos não ativamente. Ele está sempre na minha cabeça, conversando comigo. Meu nome é Kahurangi Manaia, e essa é a minha história.
Outras Coisas


-



Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum