ELSH-VERHAEGH, Zara

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

ELSH-VERHAEGH, Zara

Mensagem por Zara Elsh-Verhaegh em Sab Abr 29, 2017 6:41 pm

original

Escreva os dados

i. A NOMENCLATURA: Zara Elsh-Verhaegh;
ii. COMO É CONHECIDO: Zero;
iii. TIPAGEM SANGUÍNEA: Meta-Humana;
iv. QUANTAS ESTAÇÕES VIVEU: 21 anos;
v. PRIMEIRO RESPIRO: 13 de maio de 1995;
vi. DESCENDENTE DE QUE POVO: Norueguesa;
vii. COMPORTAMENTO: Malevolência Neutra;
viii. COMUNIDADE: Anti-Heroi (Estudante do Colégio Berlinghieri);
ix. CARGO PROFISSIONAL: Modelo.

Informe os atributos


i. PONTOS DE ATRIBUTO: 60 PA;
ii. ESPECIALIZAÇÃO: Carismático;
iii. ATRIBUTOS:



FORÇA: 05INTELIGÊNCIA: 10
RESISTÊNCIA: 15AGILIDADE: 05
VIGOR: 15CARISMA: 10 (+5)



Diga as perícias


i. PERÍCIAS:

i. Lábia, nível calouro;


Cite os poderes


i. SUPER-PODERES:

HIPNOSE é a habilidade de introduzir sensações ao cérebro de outra pessoa, o conduzindo ao transe. A hipnose pode ser usada para persuadir uma pessoa, conduzi-la a fazer ações ou responder a perguntas.

i. ADQUIRE: PERSUASÃO, SEDUÇÃO.

MANIPULAÇÃO MEMORIAL é o poder que lhe permite adquirir o controle sob as memórias de qualquer pessoa, podendo conseguir as informações dela, assim como também apagar a memória dela ou até mesmo alterar certas pontos, distorcendo fatos vivenciados,

i. ADQUIRE: ILUSIONISMO, HIPNOSE, RESISTÊNCIA MENTAL.



Conte o histórico


Chamam-na de filha psicótica dos Elsh-Verhaegh. Desde muito nova, Zara assustava os vizinhos e simpatizantes da família com seus olhos claros e brilhantes, iluminados por uma tonalidade que se misturava numa nuance avermelhada quando seus poderes eram manifestados. Ainda assim, tal anormalidade parecia moldar-se harmoniosamente com a tez clara, lábios rosados, nariz fino, corpo curvilíneo e cabelo castanho e comprido, indo até o meio das costas.

Dona de uma personalidade excêntrica, quase sempre escolhe fazer as coisas de uma maneira nunca antes pensada pelos outros, sendo ao mesmo tempo perfeccionista, apegada a rotinas e extremamente libertária. Possui plena consciência de como o apego pode ser algo destrutivo, de como todas as regras não devem ser seguidas de forma tão rígida porque sempre existem as exceções. De modo geral, ignora completamente o que os outros pensam, não correspondendo a expectativas. Detesta tudo o que é vulgar, tudo o que é comum, tem padrões elevados, gostos inusitados. Seu modo de lidar com as pessoas pode ser um tanto frio porque demonstra desprezo pelo que elas pensam ao seu respeito. Todavia, seus principais defeitos estão associados à elasticidade da mente e o gosto por jogar com tudo o que é ambivalente, levando-a a ser uma pessoa que sabe mentir com maestria e a ser muito especulativa, sendo questionadora até quando já conhece a resposta do que pergunta.


Os movimentos assemelhavam-se aos de um gato; os olhos fixos na menor, enquanto a cabeça movia-se para o lado esquerdo, até quase tocar no ombro. Ela repetiu o movimento mais uma vez, não exibindo expressão alguma ao fazê-lo. Não obstante, apenas os olhos pareciam brilhar assim que os lábios entreabriram-se, balbuciando algumas palavras, inaudíveis.

Caso lhe perguntassem, a loira não saberia responder sobre o porquê de ter feito aquilo. Seelee era sua melhor amiga! Não deveria tê-la deixado se matar de uma forma tão trágica! Oh, mas Zara ainda conseguia lembrar-se do olhar que beirava entre a descrença e torpeza da ruiva quando a mesma fora em direção à piscina, acatando amistosamente aos sussurros pronunciados feito ante ao silêncio arretador. O sorriso repuxado nos lábios bem desenhados da mutante surgira timidamente, enquanto Seelee firmava-se no centro do reservatório cheio d'água, mantendo o olhar perdido na direção da melhor amiga.
A afirmativa para que continuasse viera em novos sussurros, cadenciado num timbre de voz amistoso. Continue, continue!, Zara incentiva, ainda que seu rosto não revelasse nenhum sentimentalismo. Ainda assim, não podemos esquecer que ela era uma boa amiga, afinal, e bons amigos sempre encorajam uns aos outros.

A última lembrança fora acompanhada de um sorriso terno, à medida que rumava a pedido de seus pais para um  lugar especial, onde ela estaria protegida. O sorriso rapidamente transformou-se em um risada, aguda e cortante, ao passo que a mutante recordava-se do olhar assustado de Seelee, antes dela impulsionar seu próprio corpo para o fundo da piscina, atendendo ao último pedido de Zara. Curiosamente, o ato dantesco fora feito sob o mesmo silêncio que ambas compartilhavam, antes da ruiva ser dominada pelas falácias da outra.
Por fim, em seu último ato - antes de ser descoberta - configurou-se em acenar para o corpo que jazia boiando sob as águas cristalinas, murmurando palavras que outrora não puderam ser ouvidas.

''Seja uma boa menina. E não grite, minha querida.''

Outras Coisas


i. Por conta da influencia e nome de seu pai - Adonias Verhaegh, um advogado de renome -Zara, ao invés de ser acusada pelo crime cometido, fora tida apenas como testemunha à morte de Seelee. Acompanhada por psicólogos durante o tempo de investigação do crime, o mesmo acabou sendo arquivado pois aquele que matou Seelee nunca foi encontrado;
ii. Ao alcançar a maioridade, sua mãe - Verona Elsh, atriz e modelo famosa - colocou-a em uma agência de modelo;
iii. Atualmente, Zara está no Colégio Berlinghieri, aprendendo a controlar e aprimorar suas habilidades mutantes.



_________________


— If it is evil to think exclusively of our POWER, THEN EVIL necessary gift! Use any means to achieve their ends;
avatar
GENOSHA
22

na sua cama -n

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum